CHAPECO textil 6

A Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) está com dois Editais de Chamamento Público abertos para ampliar a oferta de vagas de trabalho para internos de unidades prisionais catarinenses nas regiões Sul e Grande Florianópolis.
No Sul, os espaços ofertados para a instalação de empresas que vão gerar vagas de trabalho para os apenados são na Penitenciária Sul, em Criciúma, e na Unidade Prisional Avançada (UPA) de Imbituba. Para participar as empresas interessadas poderão enviar suas propostas até o dia 30 de junho, de acordo com os itens previstos no edital. E expectativa é gerar cerca de 200 vagas de trabalho para os apenados. Acesse o edital aqui.


Na Grande Florianópolis, o edital de Chamamento Público contempla Presídio Masculino De Florianópolis, Presídio Feminino de Florianópolis, Penitenciária de Florianópolis e Colônia Penal Agrícola de Palhoça. Empresas interessadas em instalar oficinas nas unidades poderão encaminhar propostas até o dia 17 de julho. A previsão é que sejam abertas cerca de 300 vagas de trabalho. Acesse o edital aqui.

Print Palestra

No momento que estamos vivendo, é impossível não sermos afetados pela morte, já que ela tem estado tão perto de cada um e de todos nós. Perdemos familiares, pessoas próximas, conhecidos, além de outras perdas simbólicas, mas significativas.

O luto é um processo de transição, adaptação, reorganização, elaboração diante da perda de algo que seja muito importante para nós. São perdas que não são apenas palpáveis, mas relevantes pelo seu significado. É um fenômeno universal e natural, pelo qual todos iremos passar em algum momento de nossa vida. Mas por mais que reconheçamos algumas reações esperadas, é sempre um processo muito particular.

Pensando em trazer esclarecimentos, conforto e ajuda aos servidores que estão passando por algum processo de luto, estamos disponibilizando uma palestra online sobre o tema, realizada por uma especialista. A fala da especialista inicia após as introduções, no minuto 6:57 do vídeo.

Para asssistir, clique aqui e repasse a quem você acha que pode se beneficiar!

Palestra “Processos de luto no contexto da pandemia de Covid-19”

Por: Hamanda Ferreira - Psicóloga - CRP: 22/02065 - Especialista em Residência Multiprofissional com Atenção em Oncologia; Especialista em Psicologia Hospitalar; Especialista em Avaliação Psicológica. Possui experiência com suporte psicológico ao luto, atualmente é Psicóloga parceira do Grupo Luto pela Vida do grupo Jardim da Paz

Link: https://www.youtube.com/watch?v=hGNBDUQRJCI

WhatsApp Image 2021 06 17 at 14.53.56

Na abertura do II Encontro Catarinense de Educação em Espaços de Privação de Liberdade, nesta quarta-feira (16), o Secretário da SAP, Leandro Lima, disse que o ensino, junto com o trabalho, são pilares fundamentais para a reabilitação social e econômica dos internos. O Leandro Lima destacou que o sistema prisional catarinense tem atualmente 10.534 internos em atividades escolares. Desse total, 3.850 estão matriculados no ensino formal e outros 6.684 no Programa Despertar pela Leitura.
Nesta segunda edição o foco do evento foi os desafios impostos pela pandemia, refletindo sobre as ações realizadas no período e sobre os dados oficiais relacionados aos alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) no sistema prisional e socioeducativo,além de promover uma troca de experiências sobre iniciativas exitosas.
Para a Gerente de e Desenvolvimento Educacional do Deap, Josiane Melo o evento é um importante espaço para reflexão. “É um momento enriquecedor pois investir em educação é investir numa sociedade mais justa”,
Realizado de forma virtual, o II Encontro terminou nesta quinta-feira (17) e teve a participação de pesquisadores, gestores, agentes e professores que atuam nas unidades prisionais de Santa Catarina. Idealizado pelo Câmpus Criciúma do IFSC, o evento contou com a articulação da coordenadoria do Proeja na Diretoria de Ensino do IFSC, Câmpus Canoinhas e pelas secretarias estaduais de Educação (SED) e Administração Prisional e Socioeducativa (SAP).

LERIANO MORTE

A Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) e o Departamento de Administração Prisional (Deap) informam, com pesar, o falecimento do Policial Penal Leriano Antônio Honório de Souza, ocorrido nesta segunda-feira (15), em São Bento do Sul. Natural de Mafra, Leriano tinha 46 anos e foi vítima de infarto. Ele atuava no Presídio Regional de Joinville.

Desejamos força à família, aos amigos e colegas de trabalho neste momento de dor. Que Deus conforte o coração de todos.