formatura apenados Tijucas 3

A solenidade de formatura realizada na manhã desta terça-feira (13), no Presídio Regional de Tijucas, foi como um rito de passagem para 35 internos. Com a presença de familiares, o grupo de apenados recebeu certificado de conclusão de curso. Além dos formandos no ensino médio e fundamental, pela primeira vez, três internos receberam o diploma de curso superior. A cerimônia também contou a presença da Associação Musical União Tijuquense (Asmut) entidade que trabalha a música como ferramenta de ressocialização. No pátio da unidade, a equipe do Presídio de Tijucas montou uma grande tenda que, além de acomodar os internos formandos, também recebeu os familiares, autoridades e convidados.

A oferta de vagas de trabalho e a possibilidade de retomar os estudos são pilares da Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP), pois são ações fundamentais para a reabilitação social e econômica dos internos do sistema prisional catarinense. Prova disso é que há aproximadamente 8 mil presos trabalhando em atividade laboral qualificada e outros 11,5 mil estudando sendo 3,5 mil na educação formal e outros 8 mil no Programa Despertar Pela Leitura.

Visivelmente emocionado, o orador da turma, interno que concluiu o curso de Marketing ministrado na modalidade EAD pela Facvest, destacou que a vitória era particular, mas a luta por dias melhores é de todos. “O que alcançamos hoje é uma pequena amostra de onde podemos chegar, pois talento somado ao amor significa prosperidade. Se antes era só escuridão, hoje vemos uma luz no horizonte. Superem suas dificuldades”, enfatizou o orador, que teve a identidade preservada.

Natural de Tijucas e ex-diretor da unidade, o Secretário de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP), Edemir Alexandre Camargo Neto, disse que a educação é um ponto de transformação, mas que ela ocorra é preciso que haja a integração de todas as instituições. “Hoje o que vemos aqui é resultado da união da Defensoria Pública, do Ministério Público, do Poder Judiciário, da Associação Comercial de Tijucas, da OAB, dos professores e de todos os policiais penais e técnicos que participaram desta jornada”. O titular da SAP enfatizou que é preciso cada vez mais criar oportunidade para os internos voltem melhores para o convívio social. “A decisão é pessoal, mas temos que promover e estimular cada vez mais ações que promovam a reflexão e a mudança.”.Edemir Alexandre Camargo Neto lembrou que o modelo que atividade laboral e de ensino já foi apresentado em Portugal, Inglaterra e Estados Unidos e, com frequência, equipes formadas por servidores de outros estados vêm à SC conhecer a estrutura e os projetos em andamento no sistema prisional catarinense. “Agradeço também a toda a equipe de policiais penais, técnicos, professores e familiares, todos fundamentais na reabilitação social. O futuro depende de cada um de vocês”, concluiu o Secretário dirigindo-se aos formandos.

O juiz Corregedor da Comarca de Tijucas José Adilson Bittencourt disse que era a primeira vez que ia numa solenidade formatura em um presídio. “Um dia muito interessante porque a educação é primordial na vida de qualquer cidadão.” O magistrado destacou o papel dos professores na sociedade. “Sem vocês não chegaríamos a lugar algum”.
Prefeito de Tijucas e professor por formação, Eloi Mariano Rocha parabenizou a unidade prisional pelo respeito às pessoas. “A vida é a soma das nossas decisões e, se em algum momento, não fizermos a escolha certa é preciso mergulhar no conhecimento. Antes de tomar uma atitude lembrem-se sempre que tem muita gente torcendo por vocês”, disse.
O Policial Penal Carlos Raulino Junior, Diretor do Presídio de Tijucas, enfatizou que muitos caminhos levam ao crime mas só o trabalho e a educação podem fazer o interno voltar a trilhar o caminho do bem. “Agradeço a equipe do Presídio de Tijucas pelo envolvimento não só nesta solenidade, mas no enfrentamento às chuvas que não mediram esforços e se mobilizaram para ajudar toda a comunidade”, disse Carlos Raulino Junior.

formatura apenados Tijucas 2

Representando a equipe docente, o professor Luciano de Castro Barasuol disse ao longo de nossa caminhada surgem muitos obstáculos que tornam a jornada cansativa. “Mas vocês foram persistentes e chegaram até aqui. Lutem pelo caminho do bem, plantem um futuro próspero. Vivam e façam a diferença na vida daquelas pessoas que encontrarem pelo caminho”, aconselhou.
No final do evento também foi inaugurada a Sala da OAB do Presídio de Tijucas para dar conforto aos advogados e celeridade no atendimento aos internos.
Também participaram do evento, Promotora Isabela Ramos, Coordenadora do Polo Ead – Tijucas, da Unifacvest, Jussara Marti, Diretor do Ceja, Paulo Sergio Batista ; Presidente da OAB/Tijucas; Priscilla Pimentel Feller; Representante da Presidência da OAB/SC, Marcos Catani; Presidente do Conselho da Comunidade, Caio Daniel; Secretária de Educação de Tijucas, Deise Juliano da Silva e o Superintende do DPP da Grande Florianópolis, Euclides da Silva.

formatura apenados Tijucas 1

honrarias e novos equipamentos 1

A Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) fez uma homenagem para 268 policiais penais nesta segunda-feira (12), no Teatro Ademir Rosa, em Florianópolis. Os servidores receberam Moedas por Tempo de Serviço (30 anos e 35+) e Medalhas por Ato de Bravura, Elogio Funcional e Amigo da Polícia Penal. Esta é primeira vez que a SAP faz entrega de honrarias aos PPs. A solenidade contou com a presença do Governador Carlos Moisés, além de autoridades representando Tribunal de Justiça, Ministério Público, Polícia Militar, Polícia Civil, entre outros. A solenidade também contou coma presença da Banda do 63º BI, do Exército Brasileiro.

Para o Secretário da SAP, Edemir Alexandre Camargo Neto, este é um momento histórico para a Polícia Penal. “A Moeda e a Medalha são a materialização da contribuição de cada servidor para a segurança pública dos catarinenses. Esse investimento demonstra o respeito que o Governo do Estado tem pelos seus servidores. Hoje, a Polícia Penal tem um maior reconhecimento social e também financeiro, pois a legislação aprovada em 2021 melhorou a remuneração e estruturou a carreira do policial”, conta Edemir.
O Policial Penal e ex-secretário da SAP, Leandro Lima, falou em nome dos homenageados. "Se hoje somos o sistema prisional referência no país é porque os operadores do sistema construíram essa realidade”, assinalou Leandro Lima.

Em nome do Poder Judiciário, o Desembargador Leopoldo Brügguemann, que durante a pandemia era o coordenador do Grupo de Monitoramento e Fiscalização (GMF/TJSC), disse que enfrentamento da Covid-19 no sistema prisional e socioeducativo foi um grande desafio. “O comprometimento de servidores e de gestores foi fundamental durante este período”.

Equipamentos

No ato também foram entregues 42 quadriciclos, 42 carretinhas para uso operacional nas unidades prisionais e socioeducativas, 8 furgões, 4 veículos para uso administrativo e quatro mil pistolas Beretta, somando investimento de R$ 12,5 milhões.
De acordo com o chefe do Executivo estadual, a entrega dos veículos e armamentos significa uma qualificação do serviço prestado na área da segurança pública. Moisés lembrou que foi durante a sua gestão que ocorreu a criação da Polícia Penal de Santa Catarina. “Estamos fazendo entregas para qualificar a segurança pública. Avançamos muito nos últimos quatro anos. Agora, nossos policiais penais terão novas pistolas, furgões e quadriciclos para poder desempenhar um trabalho com mais conforto e segurança”, diz Moisés.

A solenidade foi acompanhada pelos secretários da Fazenda, Paulo Eli, e da Administração, Luiz Dacol, o presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial, perito-geral Júlio Freiberger, Coordenador Estadual do Gaeco, Promotor Marcio Cota e do Procurador de Justiça, Alexandre Graziotin, o Secretário-Adjunto, Vladecir Souza dos Santos, o Diretor do DPP, Cleverson Drechsler, o Diretor do Dease, Zeno Tressoldi, entre outras autoridades.

Neste primeiro evento foram entregues as Moedas para os servidores com 30/35 + anos de serviço. Novas solenidades serão agendas para a entrega das honrarias para os servidores com 10, 20 e 30 anos de atividades, até que todos os servidores que tenham direito sejam contemplados. Com relação ao Elogio Funcional foi observada a cronologia dos fatos que ensejaram o reconhecimento institucional.

Importante destacar também que já foi publicado no Diário Oficial o Decreto que concede medalhas para os servidores do Sistema Socioeducativo.

honrarias e novos equipamentos 3

Defesa especializacao2

Servidores da Secretaria de Estado da Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) de Santa Catarina iniciaram nesta quinta-feira, 8, as defesas de seus trabalhos de conclusão do Curso de Pós-graduação em Gestão Pública Aplicada à SAP. O curso de especialização é oferecido pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), por meio do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag), em parceria com a própria SAP.

O objetivo do curso é oferecer uma capacitação na área de gestão e incentivar os servidores a usar o conhecimento científico nos problemas do dia a dia, de acordo com o coordenador do curso, professor Daniel Pinheiro. Com duração de um ano, o curso abriu sua primeira turma em fevereiro, com 30 alunos, e tem as primeiras 10 defesas até 16 de dezembro. Outros deverão apresentar seus trabalhos até fevereiro de 2023.

Defesas

Os alunos desenvolvem um projeto de pesquisa buscando atender necessidades de seu ambiente profissional. Isso resulta nos trabalhos de conclusão de curso (TCC), que os formandos precisam defender perante uma banca, formada por professores da Udesc Esag e membros convidados, para obter a aprovação e o diploma de conclusão.

Entre os temas abordados nos primeiros trabalhos estão impactos psicossociais para os agentes, uso da telemedicina e medicina alternativa nas prisões, sistemas de identificação por biometria, educação para os detentos, perfil dos adolescentes cumprindo medidas socioeducativas, gestão das unidades prisionais, sustentabilidade, cadeia de valor e finanças.

Veja aqui a lista de defesas de TCC

O Curso de Pós-graduação em Gestão Pública Aplicada à SAP é resultado do programa SAP Ciência. Lançado pela secretaria estadual em setembro de 2021, a iniciativa prevê convênios com instituições como Udesc, Unisul e Fundação Escola de Governo - ENA, abrindo 650 vagas para servidores em cursos de especialização, mestrado, doutorado e formação continuada.

Mais informações podem ser obtidas com a Direção de Pesquisa e Pós-graduação, pelo e-mail dppg.esag@udesc.br

Assessoria de Comunicação da Udesc Esag
Jornalista Carlito Costa

MedalhasSAP

A SAP convida a todos os servidores para participar da solenidade de entrega das honrarias para os policiais penais, prevista para o próximo dia 12 (segunda-feira), às 14h, no Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis. Os homenageados irão receber Moeda por Tempo de Serviço, Medalha por Elogio Funcional, Medalha por Ato de Bravura e Medalha Amigo da Polícia Penal.
Neste primeiro evento serão entregues as Moedas para os servidores com 30/35 + anos de serviço. Novas solenidades serão agendas para a entrega das honrarias para os servidores com 10, 20 e 30 anos de atividades, até que todos os servidores que tenham direito sejam contemplados. Com relação ao Elogio Funcional foi observada a cronologia dos fatos que ensejaram o reconhecimento institucional.

Mais do que uma homenagem, trata-se de um momento ímpar, pois é o reconhecimento da contribuição da Polícia Penal para a segurança pública dos catarinenses.
Importante destacar também que já foi publicado no Diário Oficial o Decreto que concede medalhas para os servidores do Sistema Socioeducativo.