VISITAMPTODOS

O Secretário de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP), Leandro Lima e o Secretário Adjunto, Edemir Alexandre Camargo Neto, receberam ontem (28) na sede da SAP a visita do Secretário Geral do MPSC, Promotor de Justiça Samuel Dal-Farra Naspolini e do Coordenador do Centro de Apoio Operacional Criminal e da Segurança Pública, Promotor de Justiça, Jádel da Silva Júnior.

No encontro, a Coordenadora de Projetos Especiais da SAP, Enfermeira Juliana Campos, apresentou a estrutura e as soluções, desenvolvidas por uma equipe multidisciplinar da SAP, para o enfrentamento da Covid-19 nos sistemas prisional e socioeducativo. “Nosso trabalho contempla desde a aquisição de EPIs, insumos, protocolos, cuidados iniciais até os procedimentos de segurança nas unidades prisionais e socioeducativas”, destacando que a parceria com o TJSC, o MP e a Defensoria Pública foi fundamental na definição e implantação das ações com celeridade.

Outro ponto relevante da apresentação das ações da SAP foi a Central Covid – onde é feita a gestão das informações sobre os casos de pessoas infectadas – internos, servidores, funcionários. Juliana Campos informou que a rede de atendimento que foi montada no âmbito da secretaria desonerou à rede pública de saúde. “Todo o atendimento é feito na unidade e só vai para o hospital os casos que indicam maior gravidade.”

VISITAMPJU

 “Uma equipe de saúde vai até a casa do servidor para fazer o teste, evitando assim que ele circule e coloque outras pessoas em risco, caso esteja contaminado. Assim sabemos quantas pessoas estão contaminadas e a situação de cada uma delas”, observou a enfermeira. “Para a gestão é fenomenal a possibilidade de tomar decisões com base em dados reais, observou Naspolini, destacou o Secretário Geral do MPSC, Promotor de Justiça Samuel Dal-Farra Naspolini. “Essa antecipação dos problemas, adotando e deflagrando medidas internas se mostrou um sucesso. Os números são impressionantes. Não tenho a menor dúvida que tiveram uma repercussão imensa nos números do estado”, concluiu.

O Secretário da SAP, Leandro Lima, apresentou o Boletim Diário e o Semanal que faz uma radiografia do sistema prisional e socioeducativo. “Criamos uma área em nosso site onde disponibilizamos todas as informações – números, portarias, manual de desinfecção até os protocolos de retomada das atividades. Tudo está acessível e transparente”, assinalou. Ele destacou também que a proximidade com o TJ, MP e Coes e SES. “Essa proximidade nos deu agilidade e respaldo para adotar os procedimentos necessários”, enfatizou.

O Secretário Adjunto, Edemir Alexandre Camargo Neto, assinalou que o trabalho e o ensino são fundamentais na reabilitação social e econômica. “Além disso é uma estratégia de segurança prisional.”  

Os promotores também visitaram a exposição Tecendo Liberdades, na Hall da SAP, composta por produtos elaborados pelos adolescentes em conflito com a lei, que estão cumprindo medida socioeducativas em SC.