FOTO 4

Nas próximas semanas, a Penitenciária da Região de Curitibanos começa a colheita de Uva Bordô. Essa é a segunda safra dos parreirais da unidade e a expectativa é uma produção de 3 mil quilos de uva. Dois internos da unidade são os responsáveis pelo cultivo e manutenção dos parreirais.
A Penitenciária é considerada referência nacional por manter 1005 dos reeducando trabalhando em atividades qualificadas e afinadas coma vocação econômica da região. Além da agricultura, a unidade tem convênios com empresas para a fabricação de estofados, pré-moldados e marcenaria, entre outros produtos, dentro da unidade.